quinta-feira, 24 de abril de 2008

QUE PENA

Que pena as pessas serem lembradas após morte
Que pena tanta consideração demonstrada a terceiros
Bom seria que homenagens apresentadas em vida fosse
Que as considerações pudessem alcançar o coração do homenageado.

Mas ao contrário, não nos comportamos assim...
Fazemos tudo diferente...
De que adianta isso? De que adianta?
Precisamos mudar nossos conceitos enquanto vivos estamos
Porque como diz a escritura sagrada:
Quem após morte louvará a Deus diante da humanidade?

O momento de atribuirmos homenagens, lembranças será sempre HOJE
O amanhã não nos pertence, só Deus o sabe
Então se quisermos exaltar alguém, que seja agora
Se quisermos fazer nossas atitudes para com o próximo conhecida
Que seja HOJE, AGORA, diante de todos e de nosso Deus.

Vivamos o hoje como se não houvesse amanhã
Eu gostaria de ter feito muitas homenagens a minha mãe
Mas aí ela partiu desse mundo e não deu tempo eu realizar meu desejo
Mas talvez para você ainda haja tempo para fazê-lo
Faça-o agora, não perca tempo, pois ele passa e não volta mais

Que essas palavras possa te levar a uma reflexão profunda
Reflexão sobre a vida, às pessoas que amamos
Reflexão sobre nós mesmos, nossas atitudes.
Pense, pense e tente agilizar o que está guardado em sua mente e coração.

FIQUEM TODOS NA SANTA PAZ DE DEUS!